Pesquisa e Desenvolvimento

Inteligência Emocional: Teoria, Pesquisa, Medida, Aplicações e Controvérsias

A Inteligência Emocional (IE) constitui um construto psicológico recente, e um dos aspectos da inteligência mais discutidos na atualidade. Ela reflete, sobretudo, o estudo das interações entre emoção e inteligência, o que nos permite inferir a complexidade do campo conceitual, bem como as dificuldades metodológicas daí decorrentes. Este artigo visa informar ao leitor o corrente status da IE do ponto de vista científico, apresentando-se os modelos teóricos correntes desta forma de inteligência, bem como suas principais características, qualidades, falhas, críticas à teoria, aplicações e correlações com outros construtos psicológicos. Além disso, apresenta-se uma discussão acerca dos tipos de instrumentos de medida da IE que têm sido utilizados, incluindo aspectos e pesquisas relacionadas à capacidade destas escalas de predizer comportamentos, de forma independente das medidas psicométricas existentes. Embora sejam notáveis a ampliação do campo e os progressos no desenvolvimento da teoria da IE, bem como dos testes que se propõem medi-la, ainda há problemas a serem sanados e melhor investigados (como os referentes à validade de construto e aos tipos de escalas de IE existentes). Estes e outros aspectos serão relatados e problematizados ao longo do artigo.

Artigo disponível em:

Link: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-79722009000100002&script=sci_abstract&tlng=pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.