Pesquisa e Desenvolvimento

Atividades em ambientes naturais e afetividade nas aulas de biologia: um estudo de caso

A presente pesquisa se desenvolveu a partir da consideração inicial de que a promoção de propostas educativas inovadoras que consigam envolver o aluno de forma integral e ativa no próprio processo de aprendizagem, e que sensibilizem o aluno o envolvendo afetivamente, são fatores potencialmente decisivos na construção do conhecimento. Com isso, o trabalho avaliou a influência desse envolvimento emocional-afetivo em aulas em ambientes naturais desenvolvidas na disciplina de Biologia com alunos do ensino médio de uma escola particular de Porto Alegre. Essa pesquisa tem um caráter bibliográfico, tomando como base principalmente a literatura contemporânea sobre o assunto, e a análise de dados obtidos de respostas dadas pelos alunos a um questionário elaborado especialmente para este fim, bem como a observação e registro das atitudes dos alunos, além de contar também com a experiência profissional do pesquisador como professor de Biologia. Os resultados obtidos evidenciaram que as aulas em ambiente natural levaram os alunos a se interessarem mais e, por consequência, estabelecerem melhores relações afetivas entre si, com o professor e com o conteúdo, favorecendo a aprendizagem.

Trabalho apresentado em Biblioteca Digital de Teses e Dissertações – PUCRS

Link: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/3450

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.