Francisco Roberto Diniz Araújo; Thábita Sâmela Araújo dos Santos Diniz; Maria Fabiula Queiroz de Lima; Janaina Bezerra da Silva


O presente artigo é fruto de uma pesquisa bibliográfica, que relata diversas situações acerca da temática em estudo e busca obter resultados significativos em relação à participação dos pais no contexto escolar e acerca da afetividade do educador para com os discentes. Diante disso, o trabalho tem como objetivo analisar a importância da afetividade na relação família-escola. O estudo apresenta a relação família-escola e expõe de maneira simples a instituição família, como o primeiro contato social que a criança possui e a importância dela para o contexto, no qual está imersa. Trata-se ainda da relevante contribuição da afetividade mediante o dever de casa e as relações escola-família, assim, apresentam-se informações que aclaram o papel fundamental dos pais ao vislumbrarem o que acontece em sala de aula, bem como o acompanhamento das atividades escolares de seus filhos, como forma de estimular os mesmos, em seus estudos. Sabe-se que hoje a afetividade e os problemas de ensino-aprendizagem fazem parte da vida de todos os profissionais da educação e de seus educandos, verifica-se que muitos ainda não possuem conhecimento acerca desse assunto, deixando a desejar quanto à afetividade e como inserir os pais na vida escolar de seus filhos. A base metodológica desse trabalho concentrou-se em uma pesquisa qualitativo-explicativa baseada em leituras, fichamentos, resumos de livros e artigos. Os dados coletados foram analisados a base de conteúdo. O desenvolvimento desse estudo foi de extrema importância pelo fato de oportunizar o conhecimento acerca da afetividade e como essa influência no contexto escolar, de modo positivo, e como a falta dela promove problemas e dificulta o desenvolvimento dos alunos. Assim, através desse trabalho foi possível observar os pontos mais relevantes acerca da afetividade e da relação escola e família que influenciam na vida escolar dos educandos.

 

 


Download Download

Tags: , , , , , ,


1 comentário

  1. Zenaide Maria da S.Salgueiro disse:

    Parabéns pelo artigo!Realmente a aprendizagem passa pela emoção e o professor precisa estar bem e se entregar nessa relação professor /aluno.Quando há uma relação de confiança e afetividade o conhecimento acontece passando pelo prazer de estar e fazer juntos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *