Christiane Valêska Araujo Costa Lima


O presente estudo tem como foco principal a afetividade como estimulação precoce na aprendizagem de alunos com Síndrome de Down. Trata-se de um estudo de campo, dissertativo, exploratório, quanti-qualitativo, envolvendo 60 professores que trabalham com educação inclusiva, cujo foco da pesquisa foi entender como os professores estão percebendo a afetividade como competência essencial na prática pedagógica. A relevância do estudo dá-se por contribuir para que os docentes se percebam autores do processo de inclusão de crianças que apresentam SD, utilizando-se da afetividade como estratégia para motivar os alunos em seu processo de ensino-aprendizagem.

publicação original:

http://www.editorarealize.com.br/revistas/conedu/trabalhos/TRABALHO_EV056_MD1_SA14_ID13553_19082016150447.pdf

 


Download

Tags: , , ,